Berrettini leva a melhor sobre Hurkacz e joga a final em Londres

O nº 9 do mundo fez história ao se tornar o primeiro italiano na final em Wimbledon

Nesta sexta-feira Matteo Berrettini se tornou o primeiro jogador de seu pais a chegar a uma final do torneio The Championships, após derrotar o polonês nº 18 do mundo, Hubert Hurkacz, por 3 sets a 1.

Berrettini terminou o confronto com 60 winners (incluindo 22 aces) e apenas 18 erros não forçados, enquanto Hurkacz atingiu 27 winners e 26 erros não forçados. O italiano salvou os dois break points que enfrentou e quebrou o serviço polonês em quatro oportunidades para confirmar sua vitória com as parciais de 6/3, 6/0, 6/7(3) e 6/4 em 02h39min de jogo.

Berrettini manteve a pressão sobre o saque de Hurkacz para vencer o primeiro set com duas quebras de serviço, no sétimo e no nono games.

Na sequência, o italiano praticamente atropelou seu adversário ao vencer seis games consecutivos para reclamar a segunda parcial.

Hurkacz pareceu se encontrar no terceiro set. O polonês passou a converter seus serviços com desenvoltura de modo a equilibrar o jogo e empurrar a decisão da parcial para o tiebreak. No desempate, novamente o polonês se sobressaiu abrindo 4-0 de vantagem e liderando até liquidar o tiebreak por 7-3.

Apesar da derrota no set anterior, Berrettini retornou determinado. Ele quebrou o serviço polonês já no primeiro game e liderou até o final do set para confirmar sua vitória

No jogo do campeonato, Matteo Berrettini desafiará o cabeça de chave, Novak Djokovic, que derrotou o canadense Denis Shapovalov por 7/6(3), 7/5 e 7/5.