Jennifer Brady chega à primeira final de um Grand Slam

A americana Jennifer Brady alcançou sua primeira final de Grand Slam ao derrotar Karolina Muchova, da República Checa, por 2 sets a 1 nesta quinta-feira.

Brady, 24ª do mundo, alcançou o melhor momento de sua carreira ao derrotar Muchova com as parciais de 6/4, 3/6 e 6/4 em 01h55min, garantindo vaga na final do Australian Open 2021.

Em um set inicial muito disputado, Brady saiu na frente com 2/0, mas Muchova não se entregou e empatou o jogo em 2/2. Os próximos quatro games foram marcados por consecutivas quebras de saque de ambos os lados, mas foi Brady quem liquidou o set após uma dupla falta de Muchova no décimo game.

Muchova retornou no segundo set com muita vontade de recuperar o set perdido.  Ela conseguiu sua primeira quebra no game de abertura e seguiu à frente no placar até o final da segunda parcial que foi encerrada quando Brady cometeu uma dupla falta.

No desempate, Brady perdeu seu primeiro serviço, mas devolveu a quebra imediatamente para iniciar em 2/1 uma liderança que duraria até o final do set. Mas as emoções não ficaram de fora: nos sete últimos games, as duas jogadoras contabilizaram 14 break points e sete quebras de serviço até que Jennifer Brady garantisse sua vaga na final ao fechar o terceiro set por 6/4.

No próximo sábado Jennifer Brady enfrenta a número 3 do mundo, Naomi Osaka que venceu a americana, até então imbatível, Serena Williams em sets diretos.

Assista aos melhores lances da partida desta quinta-feira.