Djokovic é o último semifinalista em Roland Garros

O nº 1 do mundo enfrentará Rafael Nadal por uma vaga no jogo do campeonato.

Novak Djokovic superou um difícil desafio ao vencer o italiano Matteo Berretini por 3 sets a 1 na noite desta quarta-feira para conquistar uma vaga em sua 11ª semifinal em Roland Garros.

Djokovic registrou apenas 44 winners em comparação com os 55 de Berrettini, mas em compensação o italiano cometeu 51 erros não forçados contra apenas 19 erros do nº1 do mundo. O sérvio salvou os três break points que enfrentou e quebrou o serviço italiano em quatro oportunidades para confirmar sua vitória por 6/3, 6/2, 6/7(5) e 7/5 em 03h28min de jogo.

Djokovic venceu os dois primeiros sets com tranquilidade, mas Berrettini encontrou seu melhor jogo no terceiro para equilibrar o confronto e vencer no tiebreak por 7-5.

O equilíbrio se estendeu ao quarto set, com cada um dos adversários confirmando seus saques sem dificuldades até 3/2. No sexto game Berrettini escapou ileso de um break point e em 6/5 salvou mais dois match points antes de sucumbir ao derradeiro ponto do jogo.

Pela primeira vez no campeonato, grande parte do jogo noturno pelas quartas de final pode ser acompanhado pelos fãs, depois que a cidade de Paris estendeu seu toque de recolher para as 23h. Apesar disso, na metade do segundo set os espectadores tiveram que deixar a quadra Philippe-Chatrier mesmo sob protestos a cada novo aviso divulgado pelo sistema de som local.

Não obstante o pequeno tumulto promovido pelos fãs ao deixar a quadra ou, ainda, o incômodo de um ferimento com sangramento na mão esquerda, Djokovic se manteve firme e focado para sobreviver ao jogo agressivo de Berrettini e avançar às semifinais em Paris pela 11ª vez na carreira.

Agora Novak Djokovic terá pela frente ninguém menos que Rafael Nadal. O confronto entre as duas estrelas será a 58ª partida entre os dois rivais que se enfrentam num clima de revanche da final de 2020, quando Nadal levou a melhor ao vencer por 6/0, 6/2 e 7/5.

A vitória de Djokovic sobre Berrettini garantiu ao sérvio alcançar mais um marco: ele é agora o segundo homem na história a chegar a 40 semifinais do Grand Slam, depois de Roger Federer que alcançou 46.


Assista aos melhores momentos da partida entre Djokovic e Berrettini